Total de visualizações de página

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Mediunidade e influências espirituais


Nos últimos anos, a mediunidade tem se tornado um termo comum e de muito interesse pelas pessoas, especialmente em determinados países, como Brasil, Cuba e Jamaica. Outros países também demonstram grande interesse por esta temática, mas são estes três que concentram a maior proporção de adeptos ao desenvolvimento da mediunidade. Por isso, é importante sabermos a natureza da mediunidade e os efeitos que ela gera sobre os Corpos do ser humano. Mas antes, faz-se necessário definir o que é este fenômeno e como ele pode se manifestar. 

Também é importante relembrar o estudante sobre propósito pelo qual o ser humano desenvolveu seus diferentes Corpos, pois é exatamente este propósito que fornece sentido para o alerta que o presente artigo tem o objetivo de realizar. A mediunidade é entendida como: a capacidade de comunicação passiva entre pessoas encarnadas e desencarnadas. Esta faculdade seria inerente a todos os seres humanos, no entanto, somente aqueles que possuem um grau maior desta faculdade é que podem ser considerados como médiuns. 

O francês Allan Kardec documentou diversos tipos de comunicação passiva entre vivos e mortos, dentre eles destacamos a escrita ou psicografia, a comunicação oral ou psicofonia, a capacidade de ver e ouvir espíritos ou vidência, mediunidade receitista – que seria a capacidade de servir como intérpretes aos espíritos para prescrições médicas e médiuns de cura. 

Há outros fenômenos mediúnicos, tais como acontecimentos de ordem física, não causados por pessoas vivas, mas estes não serão descritas no presente artigo. Agora que a mediunidade foi definida, é importante passarmos para a descrição do propósito do desenvolvimento dos Corpos do ser humano. Deus criou, para a humanidade, Mundos ou campos de evolução para que pudessem se desenvolver e expressar. 

Quando Deus criou o ser humano, estes não tinham nenhuma consciência individual, tal como possui atualmente, mas possuía uma consciência coletiva e integrante a Sua vida, assim como as células de nosso Corpo Físico é integrante e respondem a vontade do Ego (o Espírito em manifestação). O propósito da evolução humana é desenvolver-se até o ponto de tornar-se um Deus dinâmico e criador, de modo a ganhar mais e mais consciência dos Mundos, e isto é medido pela capacidade de domínio dos materiais de um determinado Mundo. 

Os Mundos criados por Deus são 7, ao todo, a saber: (1) Mundo de Deus; (2) Mundo dos Espíritos Virginais; (3) Mundo do Espírito Divino; (4) Mundo do Espírito de Vida; (5) Mundo do Pensamento; (6) Mundo do Desejo; e (7) Mundo Físico. 

Atualmente estamos trabalhando somente com 3 destes 7 Mundos, quais sejam: (5) Mundo do Pensamento; (6) Mundo do Desejo; e (7) Mundo Físico. Para cada um deles, temos Corpos que nos permite expressar e trabalhar com seus materiais em maior ou menor grau. Mas nem sempre foi assim. O primeiro e mais antigo Corpo desenvolvido foi o Corpo Físico, ou Corpo Denso. Por isso ele é atualmente o Corpo que a maior parte de nós utiliza para expressar uma consciência de vigília no Mundo Físico. 

A alma não está sujeita a lei da matéria química. Do mesmo modo, a máxima que diz “Deus é Espírito e em Espírito deve ser adorado” revela que se fosse correto adorar a Deus com matéria física, bastaria fazermos sacrifícios físicos, como nossos antepassados tiveram que fazer no Templo e muitos ainda insistem em fazer, com longas caminhadas e ofertas materiais deixadas em igrejas. Mas essas ações materiais não podem aumentar nossa consciência e domínio espiritual. 

O terceiro Corpo que desenvolvemos foi o Corpo de Desejos, responsável por dar-nos incentivo para ação. Sem ele, não haveria crescimento anímico ou moral. Por último, desenvolvemos a Mente, que nos permitiu criar um cérebro e uma laringe para expressarmos pensamentos e palavras aqui no Mundo Físico, utilizando o nosso Corpo Físico. Note, pois, que todo o trabalho foi realizado teve o propósito de fazer a humanidade adquirir CONSCIÊNCIA DE VIGÍLIA e expressar sua VONTADE PRÓPRIA. 

No estado de vigília, todos os Corpos do ser humano acham-se confinados dentro do mesmo espaço e interligados de modo sincrônico. Isto é o que permite o Ego se expressar adequadamente e de modo ordenado, direcionando todos os seus Corpos a seu serviço e no mesmo sentido. Com sua Mente, pode utilizar materiais mentais do Mundo do Pensamento; com seu Corpo de Desejos, pode utilizar materiais emocionais e sentir, além de motivar-se para esta ou aquela direção; com seu Corpo Vital, pode fornecer a vitalidade necessária para acelerar as vibrações químicas e trabalhar com os éteres da Região Etérica do Mundo Físico; por fim, com seu Corpo Físico realiza as ações. 

Pessoas que possuem conexões altamente intensas entre todos estes Corpos são aquelas que não possuem faculdades espirituais. Já aquelas que possuem alguma frouxidão de Corpos são os chamados sensitivos, capazes de responder a certas vibrações espirituais. Daqui podem surgir duas classes de sensitivos: (1) os médiuns, também conhecidos por clarividentes passivos, negativos ou involuntários; (2) e os clarividentes ativos , positivos ou voluntários . Apesar dessa frouxidão de Corpos que é comum entre ambas as classes de sensitivos, há uma importante distinção entre eles, especialmente no Corpo de Desejos. 

No clarividente voluntário, o sentido do movimento é o da esquerda para direita. Assim, a potência do fluxo faz com que a pessoa tenha percepção das coisas no Mundo do Desejo, mas é o sentido que determina e revela se a pessoa possui domínio desta percepção. Conforme já mencionado, o ser humano desenvolveu seus Corpos para poder expressão sua VONTADE e adquirir consciência e domínio dos materiais dos Mundos criados por Deus para ele. 

Obedecendo este propósito, o padrão do fluxo de fluência das correntes do Corpo de Desejos, necessariamente, fica da esquerda para direita, ou seja, no sentido horário. Na mediunidade, este padrão é oposto, revelando a passividade da pessoa à vontade alheia. Além disso, os verdadeiros médiuns são escravos de sua faculdade. Mesmo aqueles que procuram empregar parte da sua vontade com coisas superiores e cristãs, no momento em que entram em contato com os espíritos, ficam a mercê da vontade alheia e sua própria vontade (seu poder espiritual mais precioso) some!. 

Um terceiro ponto muito importante e não tão explorado, mas que deve ser sublinhado refere-se à origem do fluxo das correntes do Corpo de Desejo. Esta origem é exatamente na região correspondente ao fígado físico. E a ferritina, que é uma proteína de reserva de ferro, encontrada especialmente no fígado, é que permite o ser humano a corresponder a essa energia, que é a principal função do Corpo de Desejos, isto é, motivar a ação, assim o Orixá Ogum, pela via da vibração de Marte é o rixá que atua nos portais de Aries e Escorpião, como orixá guerreiro de primeira atuação. 

No caso da pessoa que desenvolveu sua sensibilidade pela vontade própria, além da corrente do seu Corpo de Desejos girarem no sentido horário, os mesmas partem da região do fígado para fora. Em outras palavras, o fluxo vai de dentro para fora. Este é um sinal de pessoas que possuem vontade própria, pois é de dentro que o Ego comanda seus Corpos. 

Por outro lado, seres inferiores ao ser humano, como animais que possuem “sangue frio, que têm fígado e sangue vermelho e existe um Corpo de Desejos separado, o Espírito-grupo dirige as correntes (DO CORPO DE DESEJOS) para dentro, porque, neste caso, o espírito separado (do peixe ou do réptil individual, por exemplo) está completamente fora do veículo denso”. Assim, o comando vem de fora do ser. 

Na mediunidade, ocorre exatamente este fenômeno. Isto é, não é o Ego que comanda o comportamento durante a manifestação mediúnica, mas sim espírito desencarnado. Assim, naquele momento, as correntes de desejos passam a fluir de fora para dentro do fígado, tornando seu fluxo muito inferior ao esperado para padrão consciente do estado evolutivo do ser humano. 

Um quarto ponto a ser abordado, refere-se à natureza dos espíritos que normalmente permanecem percorrendo, ainda que de modo invisível, a região química do Mundo Físico. Obviamente que estes não estão nesta região, pois perderam seu Corpo Físico, mas ficam influenciando as pessoas vivas e mantendo rotinas físicas. Estes espíritos normalmente se apegaram tanto a vida terrena que não conseguem responder a ajuda oferecida que objetiva direcionar seu rumo nos planos internos. Assim, estes espíritos ficam apegados a terra. Alguns deles chegam a assumir personalidades famosas ou se passam por guias espirituais e mentores, aproveitando-se da ingenuidade dos médiuns que acreditam estar realizando benfeitorias a estes espíritos. Assim na Umbanda, Centros Espiritas, de Candomblé ou qualquer ou centro de culto espiritualista, muitos espíritos enganadores sempre tentam se passar por seres de luz. Na Umbanda por exemplo, Eguns se passam por Caboclos, kiumbas por Exús e magos negros por Pomba giras, enganando muita gente.

Este e outros assuntos, que fala de mediunidade, inicio dos cultos africanisas, raizes de Umbanda, orixás, magia, Orí, destino, oráculos, signo e tecnicas de Umbanda Astrológica estará em meu livro - brevee!

Axé - Carlinhos Lima - Astrologo, Tarólogo, Pesquisador e Mago de Umbanda Astrológica.


A Belém Bíblica


Uma equipa de arqueólogos israelitas encontrou, em Jerusalém, um selo de argila no qual é possível ler "Bat Lejem". Trata-se da primeira prova arqueológica da existência de Belém na mesma época em que a Bíblia fala deste lugar. Trata-se de uma esfera argilosa que era utilizada para selar documentos e que foi tornada pública durante as escavações do Projeto Cidade de David. É possível que o selo pertença aos séculos VII ou VIII a.C., depois das Cartas de Amama, onde era mencionado, pela primeira vez, "Bit-Lahmi". A descoberta situa a peça na época do Primeiro Templo Judeu (1006-586 a.C). Eli Shukron, responsável pelas escavações, salienta: "É a primeira vez que o nome de Belém aparece fora da Bíblia numa inscrição do período do Primeiro Templo, o que prova que era uma cidade no reino da Judeia e, possivelmente, também em períodos anteriores.

Saiba um pouco mais sobre cabala, arvore da vida, sephirot e anjos


Tradição Oral, Misticismo Hebraico, Interpretação da Torah e os Livros dos Profetas.A palavra Cabalah quer dizer tradição, assim como Caibalion. O Caibalion é um livro que supostamente foi escrito por adeptos e que ele contem as regras para se conhecer o universo e esse nome Caibalion seja um derivado da palavra Cabalah .Cabalah também quer dizer aquilo que foi recebido e é transmitidoque na verdade corresponde a palavra tradição que antigamente queria designar a LEI (Torah) que foi implantada por Moisés. Cabalah- Tradição ou aquilo que é recebido. Antigamente - A Lei de Moisés (mosaica)


As Duas Escolas :
A Cabalah possui duas escolas principais:
Primeiro, a escola judaica;
Segundo a escola Hermética.


A principal diferença entre as duas é que a escola judaica impede que se faça qualquer representação, para impedir a formação de idolatria, e os judeus reconhecem apenas 05 cabalistas. Para eles a Cabalah é uma ferramenta de conhecimento intelectual, que os ajuda e decifrar a Torah escrita / Torah shebichtáv e a Torah oral/ Torah shebealpê, é a Cabalah quem dá a Torah uma forma una e indivisível. Da mesma forma que o Alcorão, que para cada linha existem 14 traduções possíveis, e no hebraico encontramos onze variantes. Quando pensamos em um livro do tamanho do Pentateuco fica muito difícil, tornando-se quase impossível a sua tradução ou interpretação em sua totalidade. E a escola hermética difere principalmente e justamente na liberdade ao utilizar-se ferramentas gráficas, como a Árvore das Vidas. Por exemplo, a capa do livro que representa o esquema gráfico do jardim do paraíso. Existindo ainda diferenças sutis entre ambas, que poderão ser vistas futuramente por cada indivíduo, ao longo de seu estudo

Origem Histórica - Merkabah ( carruagem)
Como todas as "ciências e escolas esotéricas", a Cabalah tem uma origem tradicional e uma origem histórica, e necessariamente a origem tradicional não coincide com a histórica, segundo a origem tradicional, a Cabalah foi ensinada pelos anjos a Adão para que Adão, através do estudo e da utilização cabalística pudesse retornar ao paraíso. Adão passou a Abraão, Abraão levou estes ensinamentos até o Egito eles absorveram parcialmente a Cabalah. Mais tarde Moisés aprendeu esse conhecimento
e aprimorou esse conhecimento no deserto, durante os quarenta anos que por lá perambulou. Essa é a origem tradicional, também se dizendo que ele foi ajudado por anjos no deserto, existindo todo um folclore sobre isto. Merkabah - É a carruagem que transportou o trono de Deus ou o Trono do Mundo . A origem histórica da Cabalah vem da criação do que se chama de Merkabah (carruagem), Merkabah é a descrição de Ezequiel em relação ao carro de Deus. É a carruagem que carregava o trono de Deus da esfera celeste. A crença comum é que este carro ia e vinha entre o céu e a terra etinha um determinado conhecimento místico potencial para explicar o
Merkabah. A partir deste momento é que se foram se desenvolvendo outras estruturas como a Árvore das Vidas. A Cabalah não é somente umconjunto de coisas absurdas. Devemos que vê-la como uma chave capazde elucidar o que nós não podemos responder sozinhos. A Cabalah échave que abre todas as portas, mas não adianta você Ter esta chave sem conhecimento para usá-la. Ela também não é somente o conjunto de ciências hebraicas , e herméticas. Hoje ela está presente em tudo ao nosso redor, e ela pode nos auxiliar de várias formas. Num experimento de química os cálculos usados são semelhantes aos da Cabalah. Você pode chegar ao resultado de uma experiência ou próximo a ele. Por exemplo: quando você tem um experimento de resultados imprevisíveis com materiais nunca antes usados, você pode ter uma prévia do resultado antes de fazer a experiência.

"A Cabalah , do ponto de vista histórico, pode ser definida como um
produto da interpenetração entre o gnosticismo judaico e o
neoplatonismo" Gershon Scholen, Kabalah.

As quatro Categorias da Cabalah
1. A Cabalah Prática, que trata da Magia Talismânica, Cerimonial
e do Tarot;
2. A Cabalah Dogmática, que consiste na literatura Qabalística;
3. A Cabalah Literal, que trata do uso das letras e dos números;
A Cabalah Literal divide-se em três partes:
* Gematria, que baseia-se nos valores das palavras;
* Notariqon, que baseia-se nas letras de uma palavra que
formam as iniciais de outras palavras, formando uma sentença;
* Temura, ou permutação, sendo esta a substituição de uma
letra por outra que a precede no alfabeto.
4. A Cabalah Não-Escrita, que consiste no conhecimento correto
da maneira pela qual os sistemas simbólicos estão dispostos na Árvore
das Vidas.


O Caminho da Serpente da Sabedoria e o Caminho
da Flecha ou Espada Flamejante

O Sepher Yetzirah- O livro da Criação
É a pedra angular da literatura qabalística onde a palavra sephiroth aparece pela primeira vez. Mostra a criação do universo com relação as letras do alfabeto hebraico.

Objetivos da Cabalah Teórica
1. Analisar as idéias através da Árvore das Vidas;
2. Traçar a relação entre as idéias de todos os tipos;
3. Traduzir qualquer sistema desconhecido por seus próprios meios.

As Dez Sephiroth
Sephira é a palavra que indica emanação divina, cujo plural é Sephiroth.

As Três Qualidades de Uma Sephira
1. Sua própria função;
2. Comprovar a Sephira Anterior;
3. Transmitir sua própria natureza.

Os Quatro Mundos
1. Atziluth - O Mundo Arquetípico, ou Mundo das Emanações; Mundo Divino;
2. Briah - O Mundo da Criação, também chamado Khorsia, o Mundo dos Tronos;
3. Yetzirah - O Mundo da Formação e dos Anjos;
4. Assiah - O Mundo da Ação; o Mundo da Matéria.
Os Pilares
Pilar Esquerdo: Feminino. O Pilar da Severidade
Pilar Médio: Andrógino. O Pilar do Equilíbrio.
Pilar Direito: Masculino. O Pilar da Misericórdia.

0. Ain
O Universo, a soma total de todas as coisas. A Causa sem Causa. Segundo o Zohar: "Antes de haver criado nenhuma forma no mundo, antes de haver produzido nenhuma forma, ele estava só, sem forma, sem assemelhar-se a nada. Quem entenderia como era ele então, antes da criação, já que ele não tinha forma?"
"O Ain não pode ser compreendido pelo intelecto nem descrito por palavras, pois não há nenhuma letra nem palavra alguma para representá-lo." - Azariel Bem Menahen.

1. Kether
Imagem Mágica Um Ancião ou Rei Barbudo, de perfil
Nome de Deus Eheieh
Arcanjo Metraton
Ordem de Anjos Chaioth he Qadesh - Santas Criaturas Viventes
Chakra Mundano Primum Mobile. Primeiros Movimentos
Virtude Consecução. Culminação da Grande Obra.
Títulos Existência das Existências. Oculto dos Ocultos. Ancião dos Anciões. O Ponto Liso. O Ponto Primordial. O Mais Alto. O Grande Rosto. A Cabeça Branca. A Cabeça que não É. Macroposopos.
Experiência Espiritual União com Deus
Cor em Atziluth Brilhante
Cor em Briah Branco Puro Brilhante
Cor em Yetzirah Branco Puro Brilhante
Cor em Assiah Branco Mosqueado de Dourado
Vício -
Símbolos O Ponto. O Ponto dentro de um círculo. A Coroa. A Suástica.
"O primeiro caminho é chamado a Inteligência Admirável ou Oculta,
porque é a Luz que dá o poder de compreensão do Primeiro Princípio,
que não tem começo. E é a Glória Primária, porque nenhum ser criado
pode alcançar sua essência."
A raiz de todas as coisas. Centro de Energia Espiritual, Indivisível. A prima causa. O Macroposopus (Grande Rosto).


2. Chokmah
Imagem Mágica Uma figura masculina barbuda
Nome de Deus Jehovah, ou Jah
Arcanjo Ratziel
Ordem de Anjos Aufanim - Rodas
Chakra Mundano O Zodíaco
Virtude Devoção
Títulos Poder de Yetzirah. Ab-Abba. O Pai Supremo.
Tetragrammaton. Yod de Tetragrammaton.
Experiência Espiritual A visão de Deus Face a Face
Cor em Atziluth Azul suave puro
Cor em Briah Cinza
Cor em Yetzirah Cinza perolado irisdescente
Cor em Assiah Branco, mosqueado de Vermelho, Azul e Amarelo
Vício -
Símbolos O Lingam, O Falo. Yod. A Túnica Interior de Glória. A Pedra Erguida. A Torre. Bastão de Poder Elevado. A Linha Reta "O Segundo Caminho é chamado a Inteligência Iluminadora. É a Coroa da Criação, o Esplendor da Unidade, igualando-a. Está exaltada acima de todas as cabeças, e é chamada pelos Qabalistas a Segunda Glória." O reflexo de si mesmo. O Pai. O Zodíaco. A Magia. O Elemento ativo vital da existência. Os quatro Reis.
Yod - He - Vau - He.
3. Binah
Imagem Mágica Uma mulher Madura.
Nome de Deus Jehovah Elohim
Arcanjo Tzafkiel
Ordem de Anjos Aralim. Tronos.
Chakra Mundano Saturno
Virtude Silêncio
Títulos Ama, a mãe estéril obscura. Aima, a Mãe
fértil Brilhante. Khorsia, o Trono. Marah, o Grande Mar.
Experiência Espiritual Visão do Pesar
Cor em Atziluth Carmesim
Cor em Briah Negro
Cor em Yetzirah Marrom Escuro
Cor em Assiah Cinza, Mosqueado de Rosa
Vício Avareza
Símbolos O Yoni. O Kteis. A Copa ou o Cálice. A Túnica Exterior do Ocultamento.
"O Terceiro Caminho é chamado a Inteligência Santificada ou Fundamento da Sabedoria Primordial. É chamado também de Criador da Fé, e suas raízes estão em Amém. É o autor da Fé, de onde emana a Fé." Saturno. A Compreensão, a Mãe. O Poder construtivo que executa. A Ilusão (Maya). O Grande Mar. O Veículo de cada fenômeno possível. A última Sephira antes do Abismo (Daath). Yod - He - Vau - He.
Abismo. Daath
Imagem Mágica Uma cabeça com duas faces, olhando a ambos os lados
Nome de Deus Uma conjunção de Jehovah e Jehovah Elohim
Arcanjo Os Arcanjos dos Pontos Cardeais
Ordem de Anjos Serpentes
Chakra Mundano Sothis ou Sírius, a Estrela Cão
Virtude Desapego. Perfeição da Justiça, e a aplicação
das Virtudes não corrompidas por considerações da Personalidade. Confiança no Futuro.
Títulos A Sephira Invisível. A Mente Cósmica Escondida ou Não Revelada. A Sephira Mística. A Habitação Superior.
Experiência Espiritual Visão através do Abismo
Cor em Atziluth Lilás
Cor em Briah Cinza Prateado
Cor em Yetzirah Violeta Puro
Cor em Assiah Cinza Mosqueado de Dourado
Vício Dúvida do Futuro. Apatia. Inércia. Covardia (Medo do Futuro). Orgulho (Conduz ao Isolamento e a Desintegração).
Símbolos A Cela do Condenado. O Prisma. O Quarto Vazio. A montanha sagrada de qualquer Raça. Um Grão de Cereal. A Ausência completa de símbolos.
Conhecimento. O Abismo.
Daath é a esfera de onde toma forma a força pura. É portanto a forma mais elevada do mundo das formas. Daath, considerado como Sephira, é uma concepção relativamente moderna. É mencionada nos primeiros escritos qabalísticos, mas é considerado como a conjunção dos princípios masculino/feminino de Deus, Chokmah e Binah. Realmente, os textos antigos estabelecem de maneira mais explícita que há dez Santos Sephiroth, não nove e não onze, senão dez. Sem dúvida, a investigação
moderna conduziu a evidências suficientes como que para justificar que se considere uma Sephira por direito próprio, ainda que de modo especial. É denominada portanto, de Sephira Invisível, e Crowley sugeriu que poderia ser considerado anterior, como em outra dimensão, com relação aos demais Sephiroth.


4. Chesed
Imagem Mágica Um Rei poderoso, coroado e em seu trono
Nome de Deus El
Arcanjo Tzadkiel
Ordem de Anjos Chasmalim. Brilhantes.
Chakra Mundano Júpiter
Virtude Obediência
Títulos Gedulah, Amor. Majestade, Magnificência.
Experiência Espiritual Visão do Amor.
Cor em Atziluth Violeta Profundo
Cor em Briah Azul
Cor em Yetzirah Púrpura Profundo
Cor em Assiah Azul Profundo, Mosqueado de Amarelo
Vício Intolerância, Hipocrisia, Glutonice, Tirania.
Símbolos A Figura Sólida. O Tetraedro. O Orbe. A Vara. O Cajado.
"O Quarto Caminho é chamado a Inteligência Receptiva porque contém todos os Santos Poderes. E dela emanam todas as Virtudes espirituais com as mais exaltadas essências. Elas emanam uma da outra por virtude da Emanação Primordial, a Coroa Mais Elevada, Kether." Júpiter. A misericórdia. A Matéria. As quatro direções do Espaço. Majestade e Grandeza. A Inteligência Receptiva.


5. Geburah
Imagem Mágica Um poderoso Guerreiro em sua carruagem
Nome de Deus Elohim Gibor
Arcanjo Khamael
Ordem de Anjos Serafim, Serpentes de Fogo
Chakra Mundano Marte
Virtude Energia, Coragem
Títulos Pachad, Temor. Din, Justiça
Experiência Espiritual Visão do Poder
Cor em Atziluth Laranja
Cor em Briah Vermelho Escarlate
Cor em Yetzirah Escarlate Brilhante
Cor em Assiah Vermelho Mosqueado de Negro
Vício Crueldade. Destruição.
Símbolos O Pentágono. A Rosa de Cinco Pétalas. A Espada. A Lança. O Látego. A Algema. "O Quinto Caminho é a Inteligência Radical porque se assemelha a Unidade,
unindo-se com Binah, o Entendimento, que emana das profundidades primordiais de Chokmah, a Sabedoria." Marte. Reflexo de Binah. Fortaleza ou Poder. "O Homem é a Paz, a Mulher o Poder". Nephtis. A Queda. Perseverança. A Vontade.


6. Tiphereth
Imagem Mágica Um Rei, Um Menino. Um deus sacrificado.
Nome de Deus Jehovah Aloah va Daath
Arcanjo Rafael
Ordem de Anjos Malachin, Reis
Chakra Mundano O Sol
Virtude Devoção à Grande Obra
Títulos Zoar Anpin, o Rosto Menor, Melekh o Rei
Experiência Espiritual Visão da Harmonia das Coisas. Os Mistérios
da Crucificação.
Cor em Atziluth Salmão Vivo
Cor em Briah Amarelo
Cor em Yetzirah Salmão Vivo
Cor em Assiah Âmbar Dourado
Vício Orgulho
Símbolos O Lâmem. A Rosa-cruz. A Cruz do Calvário. A Pirâmide Truncada. O Cubo.
"O Sexto Caminho é a Inteligência Mediadora, porque nela estão multiplicados os influxos das Emanações; pois faz que essa influência flua a todos as reservas das bençãos com as quais estão unidas." O Sol. Beleza e Harmonia. Apolo. "A mais alta manifestação da vida ética, a soma de tudo o que é bom, em resumo, o ideal." O Equilíbrio entre o Espírito e a Matéria. A Fênix e o Pelicano. A Acácia. Yod - He - Vau - He.


7. Netzach
Imagem Mágica Uma bela mulher nua
Nome de Deus Jehovah Tzabaoth
Arcanjo Haniel
Ordem de Anjos Elohim, deuses
Chakra Mundano Vênus
Virtude Generosidade
Títulos Firmeza, valor
Experiência Espiritual Visão da Beleza Triunfante
Cor em Atziluth Âmbar
Cor em Briah Esmeralda
Cor em Yetzirah Verde amarelo brilhante
Cor em Assiah Oliva, Mosqueado de dourado
Vício Impudícia, luxúria
Símbolos Lâmpada. Cinto. Rosa. "O Sétimo Caminho é a Inteligência Oculta porque é o esplendor refulgente das virtudes intelectuais que são percebidas pelos olhos do intelecto e as contemplações da fé." Vênus. A Vitória. Eternidade e Triunfo. A Beleza e sua extensão. Amor Sexual. Hathor. A Rosa. A Inteligência oculta. O Sândalo é utilizado para as doenças de Vênus.

8. Hod
Imagem Mágica Um Hermafrodita
Nome de Deus Elohim Tzabaoth
Arcanjo Mikael
Ordem de Anjos Beni Elohim, Filhos dos deuses
Chakra Mundano Mercúrio
Virtude Veracidade
Títulos -
Experiência Espiritual Visão do Esplendor
Cor em Atziluth Violeta Púrpura
Cor em Briah Laranja
Cor em Yetzirah Vermelho
Cor em Assiah Negro amarelado, mosqueado de branco
Vício Falsidade. Desonestidade.
Símbolos Nomes e Versículos. Mandil.
"O Oitavo Caminho é chamado a Inteligência Absoluta ou Perfeita, porque é o Instrumento da Primordial, que não tem raízes pela qual penetrar e descansar, salvo nos lugares escondidos de Gedulah, de onde emana sua essência idônea." Mercúrio. O Esplendor. Hermes. Comércio e Boa Sorte. Plano Inferior das qualidades de Chokmah. A Inteligência Absoluta ou Perfeita.


9. Yesod
Imagem Mágica Um belo homem nu, muito forte
Nome de Deus Shaddai el Chai
Arcanjo Gabriel
Ordem de Anjos Kerubim, Os Fortes
Chakra Mundano A Lua
Virtude Independência
Títulos A Casa do Tesouro das Imagens
Experiência Espiritual Visão da Maquinaria do Universo
Cor em Atziluth Índigo
Cor em Briah Violeta
Cor em Yetzirah Púrpura escuro
Cor em Assiah Limão, mosqueado de azul
Vício Ociosidade
Símbolos Perfumes e Sandálias
"O Nono Caminho é Chamado a Inteligência Pura, porque purifica as Emanações, prova e corrige o desenho de suas representações, e dispõe da unidade com a qual estão desenhadas sem diminuição ou divisão." A Lua. A Base fundamental do mundo Físico. O Reflexo das Energias Superiores. "Tudo voltará do Fundamento de onde surgiu. Toda medula, semente e energia reúnem-se neste lugar. Daqui surgem todas as potencialidades que existem." - Zohar Ganesha. A Queda dos Obstáculos. Anima Mundi - A Alma do Mundo. O Inconsciente Coletivo. A Inteligência Pura ou Clara. "A Lua é um corpo morto todavia vivo, cujas partículas estão cheias de vida ativa e destrutiva, de forte poder mágico."


10. Malkuth
Imagem Mágica Uma jovem mulher, corada e em seu trono
Nome de Deus Adonai Malekh, ou Adonai Ha Aretz
Arcanjo Sandalfon
Ordem de Anjos Ashim, Almas de Fogo
Chakra Mundano Esfera dos Elementos
Virtude Discriminação
Títulos O Portal. O Portal da Morte. Portal da Sombra da Morte. Portal de Lágrimas. Portal de Justiça. Portal de Oração. Portal da Filha dos Poderosos. Portal do Jardim do Éden. A Mãe Inferior. Malkah, a Rainha. Kallah, a Noiva. A Virgem.
Experiência Espiritual Conhecimento e Conversação do Santo Anjo Guardião.
Cor em Atziluth Amarelo
Cor em Briah Limão, oliva, vermelho e negro
Cor em Yetzirah Limão, oliva. Vermelho e negro, mosqueado com dourado
Cor em Assiah Negro, rajado de amarelo
Vício Avareza. Inércia.
Símbolos Altar de duplo cubo. Cruz de Braços iguais. Círculo Mágico. Triângulo de Evocação. A Terra. O Reino. O Mundo dos elementos. Matéria totalmente Matéria. Nossos cinco sentidos enquanto cristalização das Sephiroth Anteriores.
A Virgem ou a noiva. A Esfera do mundo físico da matéria. Neschamoth - O Palácio Divino; onde habita a presença espiritual de Ain Soph, como Herança da Humanidade e lembrança das verdades espirituais. Inteligência Resplandecente. Energia Executiva ou poder de Binah. O Espírito Santo. A Mãe Superior. YOD - HE - VAU - HE

SIGNIFICADOS NO ALFABETO HEBRAICO


Deus criou todas as coisas com números, medida e pêso. Por isso os cabalistas dizem que cada número contem um mistério e um atributo que se refere à Divindade ou a alguma inteligência.

Tudo que existe na natureza forma uma Unidade pelo encadeamento de causas e efeitos , que se multiplicam ao infinito; e cada uma destas causas refere-se a um número determinado.

Os antigos rabinos e cabalistas explicavam: a ordem, a harmonia e as influências dos céus sobre o mundo pelas 22 letras do alfabeto hebraico:

1 - Da letra ALEPH até a letra IOD, o Mundo Invisível ou Angélico, as inteligências soberanas que recebem as influências da primeira luz eterna que emana do PAI.

2 - Da letra CAPH até TZADE, as diferentes ordens de anjos que habitam o Mundo Visível ou Astrológico, regido por Deus o FILHO, isto é, pela Divina Sabedoria que criou esta infinidade de globos que circundam a imensidade do espaço, tendo cada um o seu protetor e diretor.

3 - Da letra QUPH até TAV, o Mundo Elementar, em que se observa a ação do Espírito Santo, que dá alma e vida a todas as criaturas. Na esfera dos elementos, reina a ordem dos anjos que influem sobre o destino dos homens. Eles cuidam das gerações e da multiplicação das diferentes espécies de criaturas até o infiinito.
Assim cada letra corresponde a um atributo Divino que se denomina "palavra" e que se inicia com a respectiva letra:

1 - ALEPH - AHIH (Aheieh), "Sou o que sou" - essência divina invisível a todos os sêres.
2 - BETH - BaChOR - jovem
3 - GHIMEL - GaDOL - grande
4 - DALETH - DaGOL - insigne
5 - HE - HaDOM - majestoso
6 - VAU - VeZIO - explendoroso
7 - ZAIN - ZaKhaI - imaculado
8 - HETH - ChaSID - misericordioso
9 - TETH - TeHOR - puro
10 - IOD - IaH - Deus Eternamente Vivo
11 - CAPH - KhaBIR - poderoso
12 - LAMED - LiMUD - sapientíssimo
13 - MEM - MeBoRaKh - bendito, abençoado
14 - NUM - NoRA - formidável
15 - SAMECH - SOMeKh - apoio
16 - HAIN - HwaZaZ - forte
17 - PHE - PoDeH - redentor, salvador
18 - TZADE - TsaDeK - justo
19 - KUPH - KaDOSh - santo
20 - RESH - RoDeH - governador
21 - SHIN - ShaDai - providência
22 - TAV - TheCiNaH - graça

Cada uma das letras do alfabeto hebraico corresponde a uma ordem de inteligências ou espíritos.

Macaé o astral e as belas mulheres

http://4.bp.blogspot.com/_glyLfBk9Cic/TSIIyErj3GI/AAAAAAAAU4o/17CULLsQk4Y/s1600/macae-rjG.jpg
Eu não conheço a cidade de Macaé no estado do Rio, mas, amigos já me contaram que é uma cidade fantástica, além de rica, com PIB alto e muito petróleo, dizem que as mulheres são lindissimas. Tive o prazer imenso de conhecer algumas belas mulheres de lá em Vitória, lindas mulheres. Aliás, Vitória capital do Espirito Santo também tem mulheres lindissimas, gostosas e muito educadas. Adorei a cidade de Vitoria. Mas, voltando a Macaé, um amigo me falou de uma sorveteria e também dos salgados que a empresa Layber vende na cidade de Macaé, ele achou simplesmente fantasticos e saborosos ao extremo. Macaé de belas praia, mulheres bonitas e de muita riqueza, tem seu aniversário comemorado em 29 de julho. Agora em 2012 comemorando 199 anos de emancipação política de muito progresso e beleza.

O nome Macaé, segundo o IBGE, se origina na palavra miquilé - rio dos bagres, o peixe mais abundante da região. Mas a versão mais comum diz que o termo vem de maca ê - coco doce.

A área onde está situado o município foi ocupada inicialmente pelos índios Goytacazes, que ali permaneceram até 1630. Era parte da Capitania de São Tomé, concedida a Pero Góes por Carta Régia de 28 de janeiro de 1536, estendendo-se do Rio Itabapoana ao Rio Macaé.
Por volta de 1634, os Jesuítas criaram no local, dois núcleos de povoamento. Com a expulsão dos padres daquela Ordem, em 1759, o que propiciou a entrada de piratas e contrabandistas na região.
Somente em 1846, a Vila de Macaé passou à condição de cidade (Lei Provincial 364). A produção açucareira expandiu-se juntamente com o cultivo do café.
No limiar do século XX, o município permanecia predominantemente rural.
Recentemente, porém, a descoberta de petróleo no litoral ativou o processo econômico local. Ao lado de uma tecnologia de ponta no setor de extração de petróleo, surge um grande contingente de mão-de-obra especializada, originária de várias partes do país e do mundo, propiciando a expansão do comércio da região.

O interessante é que mesmo o aniversário de Macaé sendo no dia de Santa Marte, a cidade comemora São João Batista como seu padroeiro! Nada contra o santo que tanto prezo e louvo, mas, esses tipos de desconexões é comum no catolicismo, pois, não levam em conta a lógica, mas, como sempre seguem interesses sem parametro. Ao contrário de Salomão, Moisés e Davi, e até o proprio Cristo que tinha constante observação ao tempo, ao Cosmo e as leis divinas.

Mas, voltando ao aniversário, vemos que essa cidade teve inicio com planetas alglomerados em Leão e na casa 1, trouxe bençãos a cidade, favorecendo a imagem ambiente da cidade. E ainda Jupiter planeta de expansão abençoado as fortunas da cidade bem proximo ao Sol. Com Plutão bem harmonizado com Urano, favorecendo as descobertas das riquezas profundas e das riquezas que vem do mar, com uma localização perfeita, liberando energias para que se originasse um povo belo, rico e produtivo.

Com e assim vemos que Oxalá, protege essa cidade, produzindo mulheres lindissimas, sensuais, quentes e romanticas. Parabens as macaenses! No entanto esse ano 2012 está sendo beneficiado com a boa posição de Urano sobre o horoscopo da cidade. Favorece assim as mulheres que nasceram e vivem nesta terra, especialmente as que trabalham na areá de tecnologia, informatica, política e publicidade. Favorece em especial as arianas, aquarianas e escorpianas. Para os homens dessa cidade podem se beneficiar aqueles que trabalham com turismo, organizações não governamentais e tecnologia.

O que pode desfavorecer o município nesse ano é o aumento das drogas, sensação de insegurança e aumento de relações extra-conjugais. Também para mulheres do signo de água, o ano pode ser meio frustrante, gerar solidão, insatisfação matrimonial, solidão e uso de drogas. Por isso devem cuidar mais do lado espiritual. Mas, no geral tende a ser um ano normal dentro da média para os macaenses.

O anjo que protege Macaé é HARAHEL: Categoria: Arcanjos
Príncipe: Mikael
Protege os dias: 17/05 - 29/07 - 10/10 - 22/12 - 05/03
Número de sorte: 7
Mês de mudança: julho
Carta do tarô: O carro
Está presente na Terra: de 19:20 às 19:40
Para ter a proteção especial deste anjo o macaense precisa rezar o Salmo: 112

O Anjo: Este anjo ajuda a curar problemas nos órgãos reprodutores, principalmente femininos, favorecendo a vida longa, sem problemas de saúde. Torna as crianças obedientes e respeitosas com os parentes, colegas de estudo, professores e pais. Favorece os corretores de valores, os agentes de câmbio, as pessoas que trabalham em órgãos públicos, arquivos, bibliotecas e as que possuem qualquer coleção (principalmente as raras e preciosas).

Influência: Quem nasce sob esta influência será ávido de conhecimento procurando instruir-se em todas as ciências. Será belo, possuidor de enorme carisma e se distinguirá por suas virtudes: nobreza de espírito, humor agradável e valentia. Sua espiritualidade será tão rica, que transmitirá seus ensinamentos com paciência e dedicação, sem visar lucros. Com este dom ou dádiva, caso possua um canal para exteriorizar, poderá praticar curas, fazer pinturas mediúnicas e trabalhar com oráculos. Na idade madura, de forma inesperada, ganhará dinheiro que será usado, em parte, para a missão que deverá cumprir em sua existência terrena. Terá bom relacionamento familiar, vivendo em harmonia com os filhos. Por sua ânsia de viver, adora explorar o desconhecido. Grande estrategista da vida, estará sempre pronto a regenerar as personalidades desajustadas da sociedade. Seu refinamento será maravilhoso e aproveitará a força do anjo para ser feliz.

Profissionalmente: Fará operações comerciais bem sucedidas. Será um ótimo profissional na área de finanças e administração, podendo através do estudo, tornar-se respeitado. Dominará idéias inéditas e estudará biologia, especializando-se em reprodução de plantas e animais. Possibilidade de ganhar uma bolsa de estudos e exercitar com melhores condições seus dotes intelectuais.

Anjo Contrário: Domina a ruína, a fraude, a destruição, a falsificação. A pessoa sob a influência deste anjo contrário poderá ser inimiga da luz, destruir com fogo ou causar incêndio, delapidar bens que não lhe pertencem (da família, da indústria ou do governo), falsificar métodos para infiltrar-se na memória de computadores e ter ciúme doentio de seus bens materiais.


Chamada de Princesinha do Atlântico pelos seus moradores, é uma cidade na costa norte do Rio de Janeiro, na região Turística Serramar. Sua história é antiga. Já no século XVII jesuítas construíram uma fazenda com engenho, colégio e capela no Morro de Santana. Como toda a região seu redor teve seu período áureo com a cana-de-açúcar quando o Porto de Macaé escoava toda a produção da região, que findou com a abolição dos escravos. Neste século teve novo surto de desenvolvimento quando se instalou a exploração de plataformas petrolíferas na Bacia de Campos. Macaé possui 36 lindas praias e um rosário de lagoas. Sua bela região serrana, que cada vez mais atrai o visitante. Em Sana o lazer aliado ao sossego das suas lindas matas se tornou um grande atrativo de Maca.

Este artigo vai em especial para minha amiga de Macaé, que tô morrendo de saudades, muita sorte, amor e alegrias pra ela. Que Deus a proteja. Amém.

Carlinhos Lima

terça-feira, 12 de junho de 2012

A questão do culto às divindades


Ifá é um culto diferente. É um culto especializado e orientado a uma divindade, Orunmila, o elerii ìpin, testemunho dos destino de todos nós. Os sacerdotes de Ifá se dedicam a ser os mensageiros de Orunmila, que por sua vez é o mensageiro dos Orixa e de Olódùmarè, o Deus supremo dos Yorùbá. No que pese ser impossível praticar a religião sem que todos os Orixa estejam envolvidos os sacerdotes de Ifá se dedicam exclusivamente a uma única divindade Orunmila e tudo deles gira e torno dele. 

Ifá é Orunmila e é também o nome do oráculo através do qual Orunmila fala conosco. No Brasil, não tivemos o culto da Ifá. Esse foi um culto que não veio e não foi trazido posteriormente, como acabou ocorrendo com o culto de eegún. Temos assim muito bem estabelecido, com qualidade, o culto de Orixa, através do Candomblé das nações (nago, ketu, jeje, ijexá, hansa, mina, tapa e muitas outras) e temos o culto de eegún, com casas exclusivas para um e para o outro. 

O Candomblé é um tradição religiosa baseada em uma matriz teológica africana. Ele contudo não reflete exatamente o que existe na África porque é uma tradição originada através da diáspora negra. Esse processo, a diáspora criou mais do que uma tradição religiosa, no nosso caso o Candomblé, mas também o lukumi em Cuba e o Voodoo no Haiti. Todas essas tradições desenvolveram conceitos próprios e até práticas. Não acho que mudaram nada mas, na ausência de acesso ao dogma original,seja por questões de distância ou de língua, tiveram que se vira com o que tinham e sabiam. Além disso o sincretismo influenciou diferentemente cada uma dessas tradições. 

Uma tradição é um movimento muito comum em qualquer religião. Não se trata de uma degradação, pelo contrário, é uma especialização, uma melhoria, um formato que atualiza e adiciona riqueza cultural. Quando a criatividade é demasiada isso gera de fato uma nova religião ou uma prática que se distancia demais da matriz teológica original para que possamos chamá-la de tradição, assim, é sempre necessário um certo dogmatismo e fundamentalismo porque senão a religião se perde e acaba ocorrendo um processo igual ao da Umbanda, que não significa nada em termos religiosos. 

Dentro dessa sua diferenciação o culto aos Orixa em bases que eram as possíveis e também as necessárias para a nossa terra. E, um desses aspectos, foi a centralização do culto a todas as divindades em uma só casa, sob um único teto, além da qualidade multifuncional do sacerdote religioso, o Babalorixa. O conhecimento que tenho do formato Africano, através de uma poucas fontes escritas ou orais, era de que o culto na África tinha uma certa especialização. Assim eram templos dedicados a uma divindade, o culto a uma divindade concentrado em vilas e até mesmo regiões e os sacerdotes especializados no culto de sua divindade. 

Um modelo muito diferente do nosso. O objetivo não é fazer comparações qualitativas até porque, o Candomblé é uma tradição muito bem sucedida e completa, preservando cultos que foram perdidos pelos africanos e com liturgias, orações e cantos muito mais completos que a tradição Lukumi (cubana), por exemplo. Temos sim um problema interno de continuidade da tradição em vista da baixa qualidade da transmissão do conhecimento, da abertura por pessoas incapazes de novas casas, e do lixo que representa o sincretismo, mas, isso é assunto para outro dia. 

Entretanto isso são problemas cotidianos. Dessa maneira, exceto pelo caso do culto eegúngun, que é separado do Candomblé e especializado neste tipo de espírito, a convivência com cultos especializados a divindades não é o nosso padrão de compreensão do universo liturgico no Candomblé. Entretanto essa é uma realidade a encarar, compreender e aceitar uma vez que esse culto era e sempre foi muito distinto do culto aos Orixa. Em Cuba onde existe uma tradição da disáspora, o Lukumi, e Ifá eles são muito distintos. Existe uma certa mistura de rituais porque muitos Babaláwo foram Obariate e da mesma forma como acontece aqui com o povo que vem da Umbanda lá também ocorre e eles compartilham a mesma visão sincrética dos Orixa. Mas são casas separadas e cultos separados.

Em meu facebook você tem vários posts com informações interessantes e importantes. Em meu blogue de Umbanda também! E em especial, o livro de Umbanda Astrológica que pretendo lançar assim que estiver pronto, com muitas informações, em especial o Volume I tem como tema central o destino do homem e do mago, e fala exclusivamente do orixá do destino, dos anjos, do zodiaco e das tecnicas dos oráculos. Além de buscar responder sobre conceitos sagrados e cabalistas se existe ou não o destino. Axé a todos!

Carlinhos Lima

Magia: A poderosa Lei de Pemba

A pemba, de origem africana, é um instrumento ritualístico de alto significado. É normalmente utilizada para riscar pontos pelas entidades e pelo médium, visando estabelecer contatos vibratórios com as esferas espirituais. Se for aplicado de forma incorreta, poderá produzir resultados diferentes daqueles esperados.

Grafia Sagrada dos Orixás, é muito ampla e apresenta a necessidade de exposição pessoal e, por sua vez, poderia ser até desastroso pessoas sem "Ordens e Direitos" manipulá-la. A pemba praticamente é usada em quase todos os rituais de umbanda. Por carregar o axé, a pemba é saudada como um divino instrumento, dedicando-se até pontos cantados e reverências específicas.

Magia: O uso da Pemba na Umbanda



A pemba é um objeto presente nos rituais Africanos mais antigos que se conhecem. É fabricada com o pó extraído dos Montes Brancos Kimbanda e a água que corre no Rio Divino U-Sil. É empregada em todos os Rituais, Cerimônias, festas, reuniões ou solenidades africanas. Os médiuns e as Entidades Espirituais que atuam no Centro de Umbanda costumam desenhar pontos riscados com um giz de calcário, conhecido como pemba. Esse giz mineral, além de ser consagrado para ser utilizado nos pontos riscados, também pode ser transformado em pó e utilizado para outros fins de rituais de limpeza e proteção. Continue lendo...

sexta-feira, 1 de junho de 2012

Exu Ashikuelú e seus segredos


É uma divindade das entranhas da terra. É sobre a criação do mundo e inundações. Está diretamente relacionada ao Egún ancestral com Orixá Oko e Korinkoto. Deve ser recebido cerimônia Orun. Exu mora com Òfún Modubele de Exu Akere Capa e Mewe de Irete Yero. Chamado de Oro, também é o chefe Egun de assistência à pessoa. Ele vive fora de casa. Sua representação é uma aworán de madeira, com um corpo e duas cabeças, duas cabeças de Exu é Ashikuelú. Exu carrega uma bengala pendurada mão Ashikuelú é sua companheira. Isto é chamado Ashiakuabú. Este é feito de cana-de-Iroko madeira. Ashikuelú às vezes é interpretado como um rei dos gnomos ou duendes. Exu é aquele que ajuda colheitas e da fertilidade. Você está convidado a dar frutos e desenvolver tudo, inclusive para problemas de fertilidade em homens ou mulheres.

Ele é oferecido grãos e frutas da terra e os pombos. Regras sobre os tesouros enterrados e minerais, especialmente ouro e pedras preciosas. Ele gosta de estar sempre em movimento, fazendo alguma coisa e de trabalho. Um Exu Ashikuelú é chamado de trabalhador infantil e patrono de todos os que trabalham a terra. Ele vive em uma pedra de culturas ou em um saco de serapilheira pendurado nos galhos de uma árvore. Entre seus segredos leva terra. Quando preparado, enterrado 21 dias em um campo de produção e quando você sair, você está pronto para o trabalho.


O Isalaye Odun de Exu é Ojuani Ashikuelú Meyi.

PATAKIN 

O Caminho da Mãe Terra. Inle Oguere foi Obiní linda que tinha muitos filhos, mas o que mais se destacou foi uma bela jovem chamada Afokoyerí e esta filha não aceitar solicitações de qualquer um. Descobriu-se que havia para ser ferido com aquela que era chamada feia e horrível Ashikuelú que viveu na escuridão das profundezas da terra e viu apenas os minerais fosforescência e luz que saiu da escuridão eterna e só espreitava de vez em quando a este mundo pela boca de uma caverna, e isso aconteceu quando os filhos tinham uma Eure ofrendaban você e aqueles que foram as músicas que escureceram o céu. 

Ashikuelú usou seu charme para conseguir equipamentos de possuir amo aquela garota. Afokoyerí foi um dia a caminhar no campo e viu um Eleguedé muito bonito, que era a sua comida favorita desde que sua mãe e ela só comia as sementes e foi buscá-lo e viu guia ele a levou para a entrada de uma caverna e quando ele emergiu das profundezas veio Ashikuelú , escurecendo o céu e, sem dar tempo para nada, pegou sua mão e levou-o para as profundezas da terra. 

Inle Oguere , depois de conhecer essa, desesperado, começou a procurar entre os magos da uma terra que foi capaz de resolver o seu problema e ouviu de Orunmila e foi até ele e este viu este Ifá e disse-lhe que sua filha nasceu para viver entre escuridão porque os humanos não entendem a grandeza da sua vida, ela tinha que fazer ebo e alimentar Ashikuelú em crack, chamá-lo e quando ele saiu para fazer uma aliança com ele. 

Assim como Inle Oguere como Ashikuelú saiu, disse ele, após pagamento moforibale Iyá :. "Você tem o direito de viver seis meses sua filha com você e comigo seis meses Está a crosta terrestre de tudo, onde tudo floresce são leves, Eu sou a sombra de as entranhas da terra, onde as coisas germinam. " Olofin, eu estava ouvindo tudo o que disse, "Você Oguere Inle, você vai Iyá Inle , a mãe terra, que sempre dá seus frutos os homens que sustentam a vida , todos os homens têm sempre a dar-lhe comida e deseja vê-lo, você deve primeiro reconhecer que você e sua Omo , em campos arados e nos Furnias naturais que você vê em cada fruta, cada mineral, em todas as as entranhas da terra e da crosta terrestre, você sempre será a mãe amorosa, que irá alimentar os seus filhos e no final vai ser a casa que vai abrigar o corpo de cada um, você vai comer e vai trabalhar com Ashikuelú e Afokoyerí , que são o seu filhos bem amados. além Yewá , Osain, Asojuano , Oduduwa , Orun e até mesmo a mim mesmo, irá manter a memória de cada um daqueles que estavam em terra, onde a cada vez que você dá comida para alguns Egún, deve ser através de você, para que você Iyá Inle , que deve ser nomeado por cada um de seus filhos. Para Iban Exu . 

Isso é como Inle Oguere tem seu título de Mãe Terra, abandonando os prazeres da terra, para viver acompanhando o seu Omo Ashikuelú e Afokoyerí na escuridão da terra. Este prêmio foi concedido Olofin para seu sacrifício e renúncia.

Orixás: Cuide bem do seu Orí



DEVIDO AS CIRCUNSTANCIAS DE SUA CRIAÇÃO, TODOS OS ORIXÁS TEM DE PRESTAR HOMENAGEM A ORI. TODAS AS CABEÇAS FEITAS NO CULTO OU DEVOTO TÊM DE TOCAR A TERRA COM A TESTA COMO UM ATO DE RESPEITO AO PRIMEIRO ORI. NO NASCIMENTO (PARTO), A CABEÇA FÍSICA OU ORI ODE VEM PRIMEIRO, ENQUANTO O RESTO DO CORPO A SEGUE,O QUE AUMENTA MAIS SUA RELAÇÃO COM ORI-INU,QUE TAMBÉM É O PRIMEIRO A SER CRIADO E O ÚNICO DETERMINANTE DO DESTINO DO HOMEM NA TERRA. DEVIDO A ISTO, A CABEÇA FÍSICA É TRATADA COM MUITO RESPEITO E PROPICIADA COMO ORI-INÚ, SEU CONTRAPONTO ESPIRITUAL, RESULTANDO NA PRIMEIRA SERVIR COMUMENTE COMO MEIO DE COMUNICAÇÃO COM A OUTRA. Continue lendo...

Ifá: facínio e desafio dos oráculos!

Analisando a complexidade dos oráculos, o buscador terá dois caminhos, ou esquenta a cabeça e desiste desanimado, ou se apaixona, fica encantado e se aprfofunda cada vez mais. Isso acontece e aconteceu comigo, ao adentrar o fantástico mundo do Tarô, da Astrologia, dos orixás, do Ifá. Cada código, cada possibilidade, cada configuração é uma coisa radiante o que acontece em nossa mente. À cada decifração de enigmas é um extase muito grande para o buscador! O jogo de Ifá que algumas pesquisas até apontam para a origem pela geomância, é um sistema binário fantástico que nos dá milhares de possibilidades, talvez um número importante seja de 4096 combinações. Mas, o aplicável e aconselhavel até para nós que não somos sacerdotes de alto grau, é usar apenas as 256 combinações dos chamados Odús Filhos! Continue lendo...

Lêr odús com números é a bela Odulogia


Para entender melhor o método de Ifá deve-se estudar os principais Odus, que são 16 ou para alguns 17, incluindo-se Exu, conhecido como Eredilogum, onde esse jogo é dado a Exu e a Oxum para que se pudesse descrever a forma de culto ao orixá, lembrando que através do jogo de obi, opolê e ikin pode-se identificar também os omolodus ou Omo odus. Esse ciência foi perdida com o passar do tempo, alguns babalaos tentam resgatar o culto da forma mais tradicional, mas alguns babalaos vindo recentemente Brasil trazendo uma nova forma de culto,uma nova forma de Ifá. Pois na tradição africana, os mais antigos o isefá, o isefá era uma forma principal de culto para se tornar uma awo ofá, mas hoje as pessoas não chegam a fazer o isefá, apenas fazem o culto a orumilá, esquecendo de agregar ori ao cotidiano do ser humano para que ele possa ter uma vida melhor. Desta forma muitos babalaos acabam perdendo também as suas tradições, e tendo que retornar a África para relembrar e rever alguns conceitos. Continue lendo...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores

Marcadores

astrologia (177) signos (80) magia (78) espiritualidade (60) conceito (57) comportamento (55) (51) umbanda-astrologica (50) tarô (47) espaço (42) esoterismo (39) pesquisa (37) previsões (37) Astrofísica (35) taro (35) mulher (34) conceitos (33) pesquisas (31) gostosa (30) umbanda astrológica (29) estudo (26) horoscopo chinês (25) planetas (24) religião (24) horoscopo (23) astrofisica (22) bem estar (20) climazzen (20) cabala (19) arcanos (18) lua (18) astronomia (17) ciência (17) destino (17) energias (17) vibrações (16) arcanjo (15) cosmos (15) saúde (15) ifá (14) zodiaco (14) exu (13) mapa astral (13) umbanda-astrológica (13) Nasa (12) Quíron (12) beleza da mulher (12) terra (12) 2012 (11) estrela (11) ogum (11) planeta (11) poder (11) sensual (11) atriz (10) biblia (10) ensaio (10) lilith (10) lingerie (10) prazer (10) Candomblé (9) Foto (9) Sol (9) dragão (9) estudos (9) fotos (9) numerologia (9) protetores (9) rituais (9) Marte (8) RELAÇÕES MÍSTICAS (8) ancestrais (8) apresentadora (8) axé (8) escorpião (8) ex-BBB (8) odús (8) posa (8) 2016 (7) Astrônomos (7) astros (7) beleza (7) busca (7) cientistas (7) energia (7) galáxia (7) magia sexual (7) mistério (7) plutão (7) política (7) regente do ano (7) Estrelas (6) São Paulo (6) ano do Dragão (6) arcano (6) carma (6) casas astrologicas (6) força (6) mago (6) metodos (6) orgasmo (6) praia (6) saude (6) vídeo (6) astrologia sexual (5) babalawo (5) biquíni (5) caboclos (5) calendário maia (5) criança (5) câncer (5) mediunidade (5) proteção (5) reencarnação (5) sexualidade (5) xangô (5) Capricórnio (4) Amor e sexo (3) anjo de hoje (3) anjos da guarda (2) ( 45 graus ) (1)